Discurso de posse na Academia Brasileira de Filosofia

Atualizado: 20 de Jan de 2018

“Assim, Villaça defendia a necessidade de experimentar a força suave e redentora do perdão, através da qual ascendemos para além do comum e vulgar.Acabou nos unindo, assim, também, esse fascínio pelo humano e o necessário e imprescindível sentimento que lhe segue: o buscar o amor e exercitar com calma e temperança o sentimento do perdão. Fundamento de toda generosidade”.



#academiabrasileiradefilosofia #antoniocarlosvillaça


O texto completo pode ser lido aqui.


14 visualizações0 comentário